07 maio

O momento exige a profissionalização das empresas

Comércio varejistaO choro é livre, mas não traz resultados efetivos. O varejo precisa romper com velhos padrões e imprimir uma gestão cada vez mais profissional e estratégica para manter o crescimento neste mercado cada vez mais competitivo e dinâmico. “Stop mi-mi-mi” foi o lema do Ciclo de Encontros NoVarejo, realizado nesta quinta-feira, em São Paulo. A conclusão é que quando se trata de olhar pra frente, o setor não quer saber se a economia está andando de lado ou para trás.

Com o tema “Estratégia no varejo: o poder de conseguir a melhor performance”, o encontro debateu o peso do planejamento estratégico para o crescimento das organizações. “O planejamento estratégico torna a empresa resiliente. E quando você tira o ‘S’ da palavra ‘crise’, ela vira ‘crie’”, completou o diretor de Conhecimento e Inteligência de Negócios do Grupo Padrão, Jacques Meir, um dos mediadores do painel.

A evolução do consumidor mais uma vez está no centro da discussão. A orientação é simples: como o cliente, o varejo precisa evoluir. Para Meir, essa aproximação entre varejo e consumidor vai depender de “quanto a empresa está engajada e o quanto a profissionalização dela responde ao momento atual do mercado”.

Para Anderson Ozawa, da Boucinhas Consultoria, este é o momento em que a empresa decide se profissionalizar. “E essa questão da profissionalização – com método, pessoas, processos, tecnologia e indicadores – é que vai separar os meninos dos homens. A oportunidade está aí”, disse.

A discussão empreendida no Ciclo de Encontros NoVarejo pode ser levada para o âmbito das centrais de negócios e redes de cooperação. É preciso que o gestor assuma a função de gerenciar a companhia libertando-se das amarras do operacional. É preciso pessoas certas nos lugares certos para que os diretores possam distanciar-se e planejar o futuro da empresa.

A AD Consultores, consultoria especializada em gestão de centrais de negócios e redes de cooperação, tem auxiliado as organizações a direcionarem suas ações para um futuro de sucesso. Por meio de diagnóstico, identifica o estágio de vida da organização utilizando sua metodologia Fazer o Básico Bem Feito.

Fonte: Redação AD Consultores, com informações Portal NoVarejo
Crédito de foto: Reprodução Web

Para conhecer a metodogia Fazer o Básico Bem Feito, da AD Consultores, clique AQUI 

Nenhum Comentário

Assuntos Relacionados

Deixe uma resposta